Os alunos Augusto Bulhões, Eduardo Temporal, Mourick Ramos, Naelson Tomaz, Remilton Ferreira, Renato Oliveira e Yaergger Yatta irão apresentar, entre os dias 29 de junho e 1º de julho, um jogo sobre o boto cor-de-rosa e a etnia Ticuna durante o Intercom 2017, em Fortaleza. O trabalho é fruto de uma pesquisa desenvolvida por eles sob a orientação de Anthony Lins e Breno Carvalho.

O jogo é baseado no mito da criação da tribo Ticuna, etnia que povoa boa parte da floresta Amazônica. Segundo o mito, os deuses transformaram os peixes em homens e estes homens se tornaram a nação Ticuna, que significa povo pescado do rio. Entre as principais influências do jogo estão Ecco The Dolphin, Metroid e Castlevania.

Leave a Reply